sexta-feira, 21 de outubro de 2011

100.000 monges meditando em Myanmar/sudeste da Ásia

terça-feira, 4 de outubro de 2011

No centro sentimos leveza

‎""Alguém perguntou a um velho mestre: "Como você consegue ajudar outras pessoas? Elas frequentemente o procuram e lhe pedem conselho em assuntos que você mal conhece. Apesar disso, sentem-se melhor depois."

O mestre lhe respondeu: "Quando alguém pára no caminho e não quer prosseguir, isso não depende do saber. Ele busca segurança onde é preciso coragem, e quer liberdade onde o certo não lhe deixa escolha. E com isso fica dando voltas.

O mestre, porém, não cede ao pretexto e à aparência. Busca o centro e, recolhido nele, aguarda que uma palavra eficaz o alcance, como o navegador que abre suas velas ao vento. Quando alguém o procura, encontra-o no mesmo lugar aonde ele próprio precisa chegar, e a resposta vale para os dois. Pois ambos são ouvintes."

E o mestre acrescentou: "No centro sentimos leveza.""

Bert Hellinger, "No centro sentimos leveza", Editora Cultrix